Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Diário de uma obesa #17

por Mary P., em 12.03.15

1506832_782887485140916_4649099848606356543_n.jpg

 

***
Estou a experimentar uma nova dieta. Come-se de tudo e reza-se por um milagre.

 

E pronto. Sou uma fraca. Uma ratazana de esgoto. Pior - uma obesa e roliça razana de esgoto. Não consigo resistir aos doces. O meu verdadeiro calcanhar de aquiles. Passo bem com uma sopa e uma salada. Como uma maçã, uma pêra e uma banana todos os dias. Desgraço-me nas tangerinas como quem: "Anda lá, maldito cérebro. Trata a vitamina C como se de uma mega fatia de cheesecake se tratasse." Neste momento os morangos sempre dão para consolar uma nisga deste meu sofrimento. Mas acabam por ser uma gota num oceano imenso. Mas há pior! Na faculdade todos os dias há glorinhas destacadas na montra. E enquanto um bolo custa 0,55€ um pão com fiambre custa 0,45€. Por mais 0,10€ sou substancialmente mais feliz. No entanto, há pior ainda! Depois de me consolar com a minha glorinha, de comer um kit kat (nos dias mais compridos), de picar umas Chips Ahoy o caminho de regresso a casa é um martírio. Se vou pela Trindade tenho o maldito do Froiz com as tabletes de chocolate Milka Oreo a 1,06€ (não há sítio mais barato), mas também me defronto com as tabletes de chocolate vermelho (0,79€ - não me lembro do nome, mas são 100g, chocolate de leite que é óptimo com bolacha maria) e também com os pães de Deus (estaladinhos). Se penso para mim mesma: "Não, Mary. Tu és forte. Vais resistir. Vais seguir viagem e vais a pé até à Cordoaria onde esperarás sossegadita pelo autocarro." Inevitavelmente, deambulo estas banhas imensas pela:

- Sincello (graças a Deus que já não sou do tempo do seu auge! Mas dá-me pena. Porque ouço as histórias da minha mãe e das minhas tias e só me resta passar por lá e imaginar o reboliço que era há vinte anos atrás);

- Leitaria da Quinta do Paço (nesta a culpa é da minha mãe, que numa tarde de Verão me quis mostrar o melhor chantilli do mundo e que me quis provar que também gosto de bolas de berlim - sim, porque também há doces que eu não gosto e um deles é a bola de berlim dita normal);

- Padaria Ribeiro (a culpa é da minha tia, que quando éramos putos depois das piscinadas ao domingo tínhamos um montão de biscoitos da Padaria Ribeiro para atacar).

(e não me venham dizer para subir os Clérigos em vez de ir pela Rua de Ceuta, porque os Clérigos estão a transbordar de miniaturas MEGA APETITOSAS nas montras!).

Tenho ainda uma terceira hipótese: Apanhar o autocarro no Carvalhido. Vou a penantes. Uns bons quinze a vinte minutos. Passo por imensas pastelarias, pelo Minipreço e as suas gomas baratíssimas e bolachas digestivas com a base de chocolate e pela Doce Alto e os seus lanches e croissants e broinhas de mel!!!!!!!!!!!!

Porque eu como com os olhos e o nariz. Mas não me é suficiente. Preciso mesmo de mandar para o bandulho todas as delícias gastronómicas que me passam pela frente... Eu ando e ando muito. Correr não corro, porque os meus pés, as suas 16 unhas e as suas micoses ainda não me permitem. Tomo o pequeno-almoço, almoço e janto em condições. Bebo é pouca águas (outro tremendo erro!).

E se até agora um dos meus lemas de vida foi: "Mais vale uma gorda feliz do que uma magra triste." 

Já não é uma questão de estética (é também!), mas sim de saúde e de ficar bem nas selfies!

 

nota de redacção, se assim se pode chamar: enquanto escrevia estava a desesperar por chocolate na veia. sei que tenho um toblerone, que eu e a ogada da minha mãe andamos a poupar há anos, e também uma pseudo-torta de chocolate escondida no armário dos tupperwares. Não resisti e açambarquei a torta, que já estava aberta! Que energias tem esta casa??

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


se ganhasse o euromilhões hoje #2

por Mary P., em 12.03.15

Pois bem, segunda semana com os bolsos cheios.

Inscrevia-me finalmente na Escola de Condução para tirar a bela da carta. Auto-oferecia-me este magnífico veículo:

images.jpg

 

 

À minha mãe e às minhas ricas tias oferecia este modelo (em cores diferentes, óbvio):

transferir.jpg

 

Marcava uma jantarada com todos os meus amigos no Gull. Noite de desbundation total no famoso Triângulo das Bermudas - Cordoaria, Galerias e Baixa.

Sábado tomaríamos o pequeno-almoço no Yeatman para recuperarmos do belo serãozinho com esta vistaça:

the-yeatman-outdoor-pool_13830048404f1555c260593.j

 

A próxima paragem seria no aeroporto Francisco Sá Carneiro, um dos mais prestigiados a nível mundial onde iríamos apanhar o avione hasta Madrid!

madrid.jpg

Local humilde e simples para pernoitar:

22761765.jpg

 Hotel Intercontinental

Com paragem obrigatória em Malasaña.

images (2).jpg

 Todas as voltinhas a que uma verdadeira turista tem direito! Voltinhas, fotografias, compras,regalos recuerdos e chopitos!

Autoria e outros dados (tags, etc)


ancorar

por Mary P., em 11.03.15

Nos meus 21 anos, quase 22 (brrrrrrrrrrr), a minha mãe está anciosa, desejosa de me ver ancorada! 
"Mary, quando é que me apresentas o teu namorado?" Sempre e constantemente. 

Ó mãe, já te disse vezes sem conta que não estou nem aí. E nem comeces! Que conhecendo-te há quase 22 anos (brrrrrrrrr) já sei que quando levar o xuxu a casa vais fazer como se fosse o Rei da Prússia a ir. Portanto, só conhecerás o meu verdadeiro xuxu quando estivermos próximos da data do casório. Porque até lá, até o encontrar vou passar por tentativas-erro, que não merecem tanta pompa e circunstância. Até lá desbundarei. Haverá alturas que porei os valores de parte. São os twenties! E já são me faltam 8 anos para lhes dizer au revoir (brrrrrrr). 

Nos meus planos a longo prazo existe uma âncora, é certo. Mas só a lançarei, mamacita, quando tiver a certeza que ele é o tal. O meu miúdo. E sabes bem do que falo, mãe. "É ele! É ele!". Tanta excitação, tantos planos e no final ele saiu uma valente merda.

Até encontrar o meu "Nelsinho", o meu "Cristianinho", o meu "Johnyzinho"... É curtir o milhão. (Não, não sou nenhuma depravada. Sou até um osso duro de roer. Servem estas palavras como um auto boost de energia.)

img-thing.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Diário de uma obesa #16

por Mary P., em 09.03.15

1392957_10202145014777709_1210491676_n.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


NELSINHO CAMPEÃO

por Mary P., em 08.03.15

Depois de milhentos imprevistos e desaires A MELHOR MARCA DO ANO!

COISA DOS GRANDES. DOS NOSSOS. O NELSON ÉVORA É CAMPEÃO. PORTUGAL É CAMPEÃO. E O NELSINHO, O MEU NELSINHO, ESTÁ DE PARABÉNS!!!!! 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


8 de Março

por Mary P., em 08.03.15

Ainda há pouco tempo, numa aula de Deontologia, falávamos da Carta dos Direitos Humanos, do Dia da Mulher, dos Direitos dos Animais. Triste. Triste os motivos que nos levaram a cria-los. Se existem é porque algo tão intrínseco da essência do ser humano não estava os estava a cumprir, a respeitar. Daí a necessidade de institui-los. Olhemos para a sociedade dos dias de hoje. Século XXI. Os nossos atos agem em conformidade?

Homens, valorizem o diamante em bruto que têm ao vosso lado. WHO RUN THE WORLD, GIRLS?

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


vírus

por Mary P., em 05.03.15

Isto de estar sem computador por causa de vírus tem muito que se lhe diga. Há já uma boa temporada que tinha que levar com imensa publicidade, mas a gota de água foi quando estava a ver o Meu Nome é Alice (que desconsolo de filme) e do nada apareceu-me escarrapachado um sessenta e nove no ecrã. Pois. Aconteceu mesmo. E agora o meu computador, virulado, está a recuperar junto do tio. E eu estou aqui. Mortinha por o receber no meu colo e dar-lhe colinho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Finalmente começou o nosso Masterchef!!!!!!!!!! Confesso que o sentimento seria ainda maior se tivesse sido aqui no meu Porto. Mas o Ruizinho e seus muchachos lá tiveram os seus motivos. Depois do casting fiquei curiosíssima para ver o que está para vir. Aconteceu ainda ter suspendido a respiração num nano segundo quando o Chef Miguel se ausentou da imagem e pediu um caixote do lixo. Verdadeira caixa de surpresas. Que curso de "Como fazer olhares totalmente indecifráveis" o Manel, o Rui e o Miguel frequentaram este ano? E depois... depois veio um momento que me surpreendeu. Não que eu já não tivesse manifestado a minha opinião sobre o Chef Miguel... Dá-me pica pessoas com pinta e olhar de te "vou-te comer", que na sua essência são verdadeiros corações de manteiga, justos, talentosos e empreendedores. Como também gosto de jovens decididos, determinados e apaixonados. Mais ums vez: Bem haja, Chef Miguel. Não te percas, Afonso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tive uma Professora de Geologia, cientista convicta, que dizia que o horóscopo era das maiores tretas do Universo. No entanto, admitia nāo passava um dia sem consultar o que o horóscopo diário premeditava. Eu sou mais ou menos assim. Por mais ridīculo que acho que seja tambėm gosto de dar uma vistinha de olhos. E de verificar compatibilidades de signos. A verdade é que a seguir nunca sei o que hei-de fazer com a informação adqurida. Porque como Geminiana que sou faço por me deixar levar ao sabor do vento. Sem pressas. Porque o que tiver que ser será. E eu sei que o meu miúdo anda por aí

quote-Arthur-C.-Clarke-i-dont-believe-in-astrology

 

eu cá sou gémeos. mas a mensagem vale por si só.

Autoria e outros dados (tags, etc)


do lado de cá (chimarruts)

por Mary P., em 20.02.15

do lado de cá tem música, amigos e alguém para amar

(...)

a vida é agora. vê se não demoraaaaaaaaaaaa

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D